Os modelos são esperados para 2018, a dupla da Renault Logan e Sandero aparecem renovados e estão programadas para estrear nas concessionárias apenas em 2018. Enquanto não chegam, os carros apareceram no site INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), confirmando o registro do projeto. Embora sejam pequenas, as imagens mostram que a versão nacional terá algumas diferenças em relação à européia.

Renault Sandero
Renault Sandero

Para começar, é possível notar que não haverá luzes diurnas de diodo emissor de luz, que aparecem no contorno dos faróis de Sandero e Logan europeus. O que acusa a falta deste item é a máscara preta que aparece na versão Stepway, mais grossa do que fora e que ocupa grande parte do LED. A grelha dianteira também parece diferente, sem os pequenos sulcos horizontais da versão européia. As mesmas alterações são observadas nos desenhos Stepway e Logan.


Renault Logan
Renault Logan

Não há imagens do interior. Fontes ligadas à marca nos disseram que a cabine será mais refinada como uma forma de afastá-lo da Kwid, aproveitando o fato de que já não precisa ser tão barato, já que não é mais o carro de entrada para a empresa. Uma das mudanças será a adoção de um centro multimídia mais moderno, que ainda está em desenvolvimento – A segunda geração da Duster estreou sem ela e a Dacia prometeu para o próximo ano.

O motor só terá uma mudança. Continuará com 1,0 SCe de 82 cavalos de potencia e 10,5 kgfm combinado com a transmissão manual de 5 velocidades como a versão de entrada. O modelo intermediário seguirá com o 1.6 de 118 hp e 16 kgfm, também manual. A novidade será a remoção da troca automatizada Easy-R da linha, substituída pela transmissão CVT já utilizada em Captur e Duster.

Author

Cleyton Negri é apaixonado pelo mundo automotivo e principal participante do projeto Autos Novos, em que desempenha papel de redator/diretor desde de 2013. Graduando na área de Tecnologia da Informação e criador de vários projetos na internet, entre em contato pelo email: contato@autosnovos.com